Depois de ser detida por dirigir sem carteira de habilitação, uma brasileira identificada apenas como “Maria”, de 41 anos, teria amarrado a própria blusa no pescoço e tentado se enforcar, enquanto aguardava sozinha na viatura. De acordo com relatos publicados

Depois de ser detida por dirigir sem carteira de habilitação, uma brasileira identificada apenas como “Maria”, de 41 anos, teria amarrado a própria blusa no pescoço e tentado se enforcar, enquanto aguardava sozinha na viatura.

De acordo com relatos publicados pela imprensa local, a brasileira se envolveu em um acidente de trânsito em Martha’s Vineyard e após a polícia chegar ao local e identificar os envolvidos, foi verificado que Maria não possuía habilitação americana para dirigir, por isso ela teria sido levada para a delegacia.

De acordo com informações publicadas pelo site MV Times, a ocorrência policial relata que o policial – que está afastado até que sejam concluídas as investigações – estava levando a brasileira para o presídio do Condado de Dukes. Enquanto o oficial estava conversando com o delegado, a mulher teria conseguido se desprender de uma das algemas e, quando ele retornou, “observou que um cordão da roupa que ela usava estava firmemente enrolado em seu pescoço duas vezes, e amarrada com um nó”.

O relatório ainda dá detalhes de como Maria teria sido encontrada. “A mulher estava caída sobre a direita, e seu torso estava sendo segurado pelo cinto de segurança”, diz o relatório que não estipula o tempo exato que o policial a deixou sozinha na parte de trás do carro de polícia.

Assim que se deparou com a cena, o oficial teria cortado o cordão com uma faca e chamou os serviços médicos de emergência. Antes que eles chegassem, a mulher foi retirada do carro e o pulso foi detectado. A mulher “deu um suspiro profundo e então começou a vomitar muco espumoso.”.

O oficial permanece em licença durante a investigação para que o departamento de polícia da região possa conduzir a investigação sobre o caso.

Fonte:http://www.acheiusa.com/